sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Biografia de Benjamin Franklin

Franklin by J. S. Duplessis (ca.1785).
Benjamin Franklin. Nansceu em Boston, a 17 de Janeiro de 1706, e, faleceu na Filadélfia, a 17 de Abril de 1790. Benjamin Franklin foi um jornalista, editor, autor, filantropo, abolicionista, funcionário público, cientista, diplomata, inventor e enxadrista estadunidense. Foi um dos líderes da Revolução Americana, conhecido por suas citações e experiências com a eletricidade. Religioso, calvinista, e uma figura representativa do iluminismo. Correspondeu-se com membros da sociedade lunar e foi eleito membro da Royal Society. Em 1771, Franklin tornou-se o primeiro Postmaster General (ministro dos correios) dos Estados Unidos.

História


Juventude

Benjamin Franklin nasceu em Milk Street, Boston. O seu pai, Josiah Franklin, era comerciante de velas de cera, e casou duas vezes. Benjamin foi o 17º filho de 20 crianças nascidas dos dois casamentos. Deixou os estudos aos dez anos de idade e aos doze começou a trabalhar como aprendiz do seu irmão, James, um impressor que publicava um jornal chamado “The New-England Courant”. Tornou-se colaborador da publicação e foi seu editor nominal, escrevendo as cartas, sob o pseudônimo de Mrs. Silence Dogood, uma viúva de meia idade. Depois de uma discussão com o irmão, Benjamin fugiu, causa que o transformou em um fugitivo da lei, indo primeiro a Nova Iorque e depois a Filadélfia, onde chegou em Outubro de 1723. Em breve encontrou trabalho como impressor, mas após alguns meses, foi convencido pelo governador Keith a ir para Londres, onde, desiludido das promessas de Keith, voltou a trabalhar como compositor tipográfico, até que um mercador chamado Thomas Denham o fizesse regressar a Filadélfia, dando-lhe uma posição na sua empresa. Em 1732 começou a publicar o famoso Almanaque do Pobre Ricardo (Poor Richard's Almanac), no qual se baseia boa parte da sua popularidade nos EUA. Provérbios deste almanaque, tais como "um tostão poupado é um tostão ganhado", tornaram-se conhecidos em todo o mundo. Franklin e outros maçons juntaram os seus recursos em 1731 e iniciaram a primeira biblioteca pública de Filadélfia. Fundaram para esse fim uma empresa, que encomendou os seus primeiros livros em 1732, na sua maioria livros de teologia e educacionais, mas em 1741 a biblioteca também incluía obras de história, de geografia, de poesia e de ciência. Os sucessos dessa empreitada encorajaram a abertura de bibliotecas em outras cidades americanas e Franklin percebeu que tal iniciativa fazia parte da luta das colônias na defesa dos seus interesses.

Assuntos públicos e estudos científicos

O experimento da pipa.
Em 1758, o ano em que ele deixou de escrever para o almanaque, imprimiu O sermão do pai Abraão, hoje considerado o texto mais famoso da literatura produzida na América nos tempos coloniais. Entretanto, Franklin estava preocupado cada vez mais com os assuntos públicos; fundou a Universidade da Pensilvânia e a sociedade filosófica americana, com o fim de fomentar a comunicação das descobertas entre os homens da ciência. Ele já tinha começado a pesquisa da estática, que o iria ocupar, juntamente com outros temas científicos, com a política e com os negócios, até ao fim da sua vida. Em 1748 Franklin vendeu o seu negócio e, tendo adquirido uma riqueza notável, pôde dispor de mais tempo livre para os estudos. Num espaço de poucos anos fez descobertas sobre a eletricidade que lhe deram reputação internacional. Ele identificou as cargas positiva e negativa e demonstrou que os raios são um fenômeno de natureza elétrica. Franklin tornou esta teoria inesquecível através da experiência extremamente perigosa de fazer voar uma pipa durante uma tempestade, em 1 de Outubro de 1752. Nos seus escritos, ele demonstra que estava consciente dos perigos e dos modos alternativos de demonstrar que o trovão era elétrico. Se Franklin fez a experiência, ele não a fez da forma descrita – ela teria sido fatal. As invenções de Franklin incluíram o pára-raios, o aquecedor de Franklin - franklin stove (um aquecedor a lenha que se tornou muito popular, debitando uma corrente de ar diretamente na área a aquecer), as lentes bifocais e o corpo de bombeiros norte-americano. Franklin estabeleceu duas áreas de estudo importantes das ciências naturais: eletricidade e meteorologia. Na sua obra clássica A história das teorias da eletricidade e do Éter, Sir Edmund Whittaker refere-se à inferência de Franklin de que quando se esfrega uma substância não se cria nenhuma carga elétrica, mas esta é apenas transferida, de modo que "a quantidade total em qualquer sistema isolado é invariável". Esta asserção é conhecida como o "princípio da conservação da carga". Como tipógrafo e editor de jornais, Franklin frequentava os mercados dos agricultores para angariar notícias. Um dia notou que a notícia que dava conta de uma tormenta num lugar distante da Pensilvânia deveria se referir à mesma tormenta que visitara Filadélfia em dias recentes. Concluiu que algumas tormentas se deslocam, o que levou aos mapas sinópticos da meteorologia dinâmica, substituindo a dependência única pelos gráficos da climatologia. Em 1751, Franklin e o Dr. Thomas Bond obtiveram o alvará da legislatura da Pensilvânia para estabelecer um hospital. O hospital da Pensilvânia seria o primeiro hospital a ser criado naquela nação nascente que viria a se chamar Estados Unidos da América. Em 1754, Franklin liderou a delegação da Pensilvânia ao congresso de Albany. Este encontro de várias colônias tinha sido requerido pela associação comercial (Board of Trade) inglesa para melhorar as relações com os índios na defesa perante os franceses. Franklin propôs um amplo plano de união para as colônias. Apesar de o plano não ter sido adotado, elementos dele encontraram posteriormente lugar nos artigos da confederação e da Constituição Americana. Ele também foi contra a emissão de papel-moeda para satisfazer as dívidas dos bancos. Na política, Franklin foi um hábil administrador, mas também uma figura controversa: usou sua influência para favorecer familiares. O seu mais notável serviço ao público consistiu na reforma do sistema postal. Ganhou fama de estadista por seus serviços diplomáticos, atuando na ligação das colônias com a Grã-Bretanha e mais tarde com a Rússia.

Últimos anos

Após o retorno à América, Benjamin Franklin tomou parte no caso Paxton, que levou à perda do seu assento na assembleia. Em 1764 foi novamente enviado para Inglaterra como agente das colônias, desta vez a pedido do Rei, para retirar o governo das mãos dos proprietários. Em Londres, opôs-se ativamente à proposta da Lei do Selo (Stamp Act), mas perdeu popularidade por ter assegurado a um amigo o cargo de agente fiscal nos EUA. Nem seu trabalho eficaz no apoio à revogação da lei recuperou sua popularidade. Continuou, porém, seus esforços na defesa das colônias mesmo quando as disputas avançavam para a crise da revolução, o que lhe causou conflito irreconciliável com o seu filho, que permaneceu ardentemente leal ao governo britânico. Em 1767, Franklin atravessou o canal até a França, onde foi recebido com honra; mas antes do seu regresso para casa, em 1775, perdeu sua posição como ministro dos correios (postmaster), devido ao papel que teve na divulgação em Filadélfia da famosa carta de Hutchinson e Oliver. Na sua chegada a Filadélfia, foi eleito membro do congresso continental e assistiu a redação da Declaração da Independência Americana. Em Dezembro de 1776 voltou à França como emissário dos Estados Unidos. Residiu numa casa no subúrbio parisiense de Passy, doada por Jacques-Donatien Le Ray de Chaumont, que se tornaria seu amigo e o estrangeiro mais importante na ajuda obtida pelos Estados Unidos na Guerra da Independência Americana. Franklin foi um dos principais dignitários da maçonaria americana. Ao chegar à França, tomou parte ativa no trabalho de depuração e de unificação da maçonaria, iniciado em 1773 com a criação do Grande Oriente, e que culminou em 1780. Dirigiu, da sua casa em Passy, "as Musas" (Loge des Neufs Soeurs), em que se reuniram artistas e literatos como Claude Adrien Helvétius, Marquês de Condorcet, Nicolas Chamfort, Louis-Sébastien Mercier, Jean-Antoine Houdon, Vernet. Permaneceu na França até 1785, tendo sido muito apreciado na sociedade parisiense. O cardeal Rohan, do célebre Caso do colar de diamantes, organizou festas em sua honra. Um médico - Jean-Paul Marat - submeteu-lhe experiências de física. Um advogado - Jacques-Pierre Brissot - interrogou-o sobre o Novo Mundo e a experiência revolucionária. Outro, dedicou-lhe a sua primeira peça - Robespierre. Foi tão popular que se tornou chique para famílias ricas francesas decorar os seus salões com um quadro dele. Franklin conduziu os assuntos de Estado do seu país com tal sucesso, incluindo a importante aliança militar e a negociação do tratado de Paris em 1783, que, quando regressou definitivamente aos EUA, recebeu um lugar meritório na independência americana, apenas superado pelo próprio George Washington. Quando foi chamado a regressar aos Estados Unidos em 1785, o rei honrou-o com a encomenda de um retrato pintado por Joseph Siffred Duplessis, que hoje está exposto na Galeria do Retrato Nacional do Instituto Smithsonian em Washington. Após seu retorno da França em 1785, Franklin dedicou-se à abolição da escravatura, tendo-se tornado presidente da sociedade que visava a esse fim e à libertação dos negros ilegalmente retidos em cativeiro. Faleceu em 17 de Abril de 1790, em Filadélfia. Encontra-se sepultado no Christ Church Burial Ground, Filadélfia, Pensilvânianos Estados Unido.

Citações

"O vinho é a prova constante de que Deus nos ama e nos deseja ver felizes".
- wine; a constant proof that God loves us, and loves to see us happy.
- The posthumous and other writings of Benjamin Franklin ... - Página 290, Benjamin Franklin, ‎William Temple Franklin - H. Colburn, 1819
"Naquela ocasião a pesca de cada um daqueles peixes afigurou-se-me, como ao meu mestre Tryon, uma espécie de assassinato sem provocação, uma vez que nenhum daqueles animais tinha cometido ou poderia cometer qualquer ofensa contra nós, susceptível de justificar semelhante carnificina."
- Em Autobiografia
"Aqueles que abrem mão da liberdade essencial por um pouco de segurança temporária não merecem nem liberdade nem segurança".
- Those who would give up Essential Liberty to purchase a little Temporary Safety, deserve neither Liberty nor Safety.
- A primeira variante foi escrita por Franklin, mas quase certamente o seu pensamento original, por vezes é atribuído pouco antes 17 de Fevereiro de 1775, como parte das suas notas para uma proposição à Assembléia Pensilvânia.
- A segunda variante foi usada como um lema na página de título de uma histórica revisão da Constituição e de governo da Pensilvânia. (1759) Este livro foi publicado por Franklin; seu autor era Richard Jackson, que citou um escrito de Franklin para a Assembléia da Pensilvänia: Resposta ao Governador, 11 de Novembro de 1755.
"Nunca houve uma guerra boa nem uma paz ruim."
- There never was a good war or a bad peace.
- Carta a Josiah Quincy (11 de Setembro de 1783)
"Deus cura e o médico apresenta a conta."
- God Heals and the Doctor Takes the Fee
- título do livro "God Heals and the Doctor Takes the Fee", Por Benjamin Franklin, Publicado por Winston Network, 1984
"O orgulho que se alimenta da vaidade termina em desprezo."
- Pride that dines on vanity, sups on contempt.
- "Political Essays - Poor Richard's Almanac. - The Way to Wealth" in "Memoirs of Benjamin Franklin"‎ - Volume II Página 479, de Benjamin Franklin, William Temple Franklin, William Duane - Publicado por M'Carty & Davis, 1834
"Cedo na cama, cedo levantar-se, faz um homem sadio, rico e sabido."
- Early to bed and early to rise, makes a man healthy, wealthy, and wise
- "Political Essays - Poor Richard's Almanac. - The Way to Wealth" in "Memoirs of Benjamin Franklin"‎ - Volume II Página 477, de Benjamin Franklin, William Temple Franklin, William Duane - Publicado por M'Carty & Davis, 1834
"Quem se apaixona por si mesmo não tem rivais".
- He that falls in love with himself will have no rivals.
- "The sayings of Poor Richard": the prefaces, proverbs, and poems of Benjamin Franklin originally printed in Poor Richard's almanacs for 1733-1758‎ - Página 92, Benjamin Franklin, Paul Leicester Ford - G.P. Putnam's Sons, 1889 - 288 páginas
"Toma conselhos com o vinho, mas toma decisões com a água".
- Take counsel in wine, but resolve afterwards in water.
- "The sayings of Poor Richard: wit, wisdom, and humor of Benjamin Franklin in the proverbs and maxims of Poor Richard's almanacks for 1733 to 1758" - página 6, Benjamin Franklin, Thomas Herbert Russell, Veterans of Foreign Wars. Americanization Dept - Americanization department, Veterans of foreign wars of the United States, 1926 - 39 páginas
"Neste mundo nada pode ser dado como certo, à exceção da morte e dos impostos".
- in this world nothing can be said to be certain, except death and taxes!
- The private correspondence of Benjamin Franklin, LL.D, F.R.S., &c. ... - Volume 1, Página 266, Benjamin Franklin, William Temple Franklin - Printed for Henry Colburn, 1817
"Se faz parte dos desígnios da Providência extirpar esses selvagens para abrir espaço aos cultivadores da terra, parece-me oportuno que o rum seja o instrumento apropriado. Ele já aniquilou todas as tribos que antes habitavam a costa".
- Wrintings (org.) J. A. Leo Lemay, Library of America, New York, 1987, p. 1.422 apud Losurdo, Domenico in Contra-História do Liberalismo, 2006, p. 30
(escrevendo a um médico) "A metade das vidas que vocês salvam não é digna de ser salva, porque é inútil, enquanto outra metade nem mereceria ser salva porque pérfida. A vossa consciência nunca vos acusa desta guerra permanente contra os planos da Providência?"
- "Wrintings" (org.) J. A. Leo Lemay, Library of America, New York, 1987, p. 803 (carta a J. Fothergill de 1764) apudLosurdo, Domenico in Contra-História do Liberalismo, 2006, p. 30
"Seja lento na escolha de um amigo, e mais lento na mudança."
- Be slow in choosing a friend, slower in changing.
- Poor Richard's almanack - página 16, Benjamin Franklin - U.S.C. Publishing Co., 1914 - 62 páginas
"Um bom exemplo é o melhor sermão."
- A good example is the best sermon
- The Way to Wealth and Poor Richard's Almanac - Página 10, Benjamin Franklin Editor Nayan Ruparelia, Nayika Publishing, 2008, ISBN 095595830X, 9780955958304 - 80 páginas
"Antes do casamento, os olhos devem estar bem abertos; depois do casamento, semi-cerrados".
- Keep your eyes wide open before marriage, and half shut afterwards
- The Way to Wealth and Poor Richard's Almanac - Página 27, Benjamin Franklin Editor Nayan Ruparelia, Nayika Publishing, 2008, ISBN 095595830X, 9780955958304 - 80 páginas
"Onde mora a liberdade, ali está a minha pátria".
- Where liberty dwells there is my country
- Benjamin Franklin citado em "The Gospel anchor: Volume 1" - Página 24, 1832
"Aquele que persegue duas lebres de uma só vez não alcança uma delas e deixa a outra escapar."
- He that pursues two Hares at once, does not catch one, and lets t'other go.
- The prefaces, proverbs, and poems of Benjamin Franklin: originally printed in Poor Richard's almanacs for 1733-1758 - página 75, Benjamin Franklin, Paul Leicester Ford - Putnam, 1889 - 288 páginas
"O jeito de ver pela fé é fechar os olhos da razão".
- The Way to see by Faith, is to shut the Eye of Reason
- Poor Richard: the almanacks for the years 1733-1758 - página 189, Benjamín Franklin, Ilustrado por Norman Rockwell, Editora Newly set into type & printed expressly for the Heritage Press, 1964, 300 páginas
"Eu nunca vi a pedra filosofal que transforma chumbo em ouro".
- I have never seen the Philosopher's stone that turns lead into gold
-Autobiography: Poor Richard. Letters - Página 202, Benjamin Franklin - D. Appleton, 1904, 401 páginas
"Quando estou ocupado em servir os outros, não olho para mim mesmo como um prestador de favores, mas como um pagador de dívidas."
- when I am employed in serving others, I do not look upon myself as conferring favors, but as paying debts.
- The Private Correspondence of Benjamin Franklin ...: volume 1 - Página 2, Benjamin Franklin, - Compilado por William Temple Franklin, Colaboradores William Temple Franklin, Henry Colburn, Editora Henry Colburn, 1817, 449 páginas
"As crianças e os loucos imaginam que vinte anos ou vinte moedas não acabam nunca."
- A child and a fool (as poor Richard says) imagine twenty shillings and twenty years can never be spent
- Works: In two volumes - Página 161, Benjamin Franklin - 1799
- Almanaque do Pobre Ricardo, publicação de Benjamin Franklin, iniciada em 1732
"Relação sem amizade, amizade sem poder, poder sem vontade, vontade sem resultado, resultado sem lucro, e lucro sem virtude não são dignos de um traque"
- Relation without friendship, friendship without power, power without will, will without effect, effect without profit, and profit without vertue, are not worth a farto
- (abril de 1733)
- Poor Richard's Almanack: Being the Almanacks of 1733, 1749, 1756, 1757, 1758 - página 5, Benjamin Franklin, Rimington & Hooper, publishers, 1928, 55 páginas
"Você pode adiar, mas o tempo não posterga."
- You may delay, but time will not
- Autobiography: Poor Richard. Letters - Página 247, Benjamin Franklin - D. Appleton, 1904

Atribuídas

"Se a paixão conduz, deixe a razão segurar as rédeas."
- If Passion drives, let Reason hold the Reins.
- The Old Franklin Almanac, for ... - Página 40, American Almanac Collection (Library of Congress), Editora John Haslett, 1860
"Os investimentos em conhecimento geram os melhores dividendos."
- An investment in knowledge pays the best dividends
- Benjamin Franklin citado em Kohler of Kohler News - Volumes 4-6, Kohler Company, 1919

Sobre

Era uma daquelas existências anônimas, entomológicas, como existem em certo imóveis, onde se fica sabendo, no fim de quatro anos, que existe um velho senhor no quarto andar que conheceu Voltaire, Pilastre de Rosier, Beaujou, Marcel, Mole, Sophie Arnould, Franklin e Robespierre.”
- Balzac; A Prima Bette.


Referências

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.