domingo, 22 de fevereiro de 2015

Biografia de Affonso Segretto


Affonso Segretto, junto aos primeiros
projetores da Empresa Paschoal Segretto.
Affonso Segretto foi o italiano que veio a ser o primeiro cinegrafista brasileiro. Filmou “Uma vista da Baia de Guanabara” em 1898. A primeira exibição foi realizada na sede do Jornal do Comércio em 1896. Segreto nasceu no Brasil, filho de uma família de imigrantes italianos. Seu irmão Paschoal também esteve envolvido na indústria do cinema, inaugurando o primeiro cinema do Brasil no Rio de Janeiro em 31 de Julho de 1897. O Cinematógrafo, uma câmera de filme e projetor inventado pelos irmãos Lumière, foi exibido pela primeira vez no Brasil no Rio de Janeiro em 8 de Julho de 1896, sob o nome de “Omnigrapho”. Em 1898, Segreto viajou para a Europa e comprou um Cinematógrafo, que ele trouxe de volta para o Brasil, onde começou a produzir os seus primeiros filmes. Isto incluía, potencialmente, a mais antiga representação cinematográfica do Brasil, filmada de um navio no final de sua viajem de retorno em Junho de 1898 quando de aproximou da Baía de Guanabara. Segreto começou filmando atualidades. Mais tarde, ficou conhecido por filmar reconstituições de crimes locais.


Legado


De acordo com Luke McKernan, Affonso Segreto foi uma importante figura "na indústria cinematográfica brasileira na primeira década do século, quando a produção nativa dominou o mercado". O cinema brasileiro se desenvolveu mais lentamente do que em outros países devido à infra-estrutura de eletricidade ser precária.


Referências


http://pt.wikipedia.org/wiki/Affonso_Segretto 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.