quarta-feira, 23 de abril de 2014

Biografia de Wladimir Köppen


Wladimir Köppen
Wladimir Köppen. (Wladimir Peter Köppen). Nasceu em São Petersburgo, Rússia, a 25 de Setembro de 1846, e, faleceu em Graz, Áustria, a 22 de Junho de 1940. Wladimir Köppen foi um geógrafo, meteorólogo, climatólogo e botânico russo. Considerado precursor da ciência meteorológica moderna, suas descobertas influenciaram profundamente os rumos das ciências da atmosfera. Neto de um dos médicos alemães levados à Rússia pela imperatriz Catarina, a Grande, com a finalidade de melhorar as condições sanitárias da nação, seu pai, Peter von Köppen, viveu na corte de Alexandre II e obteve os mais importantes títulos científicos da Rússia. Morando na Criméia, junto ao mar Negro, influenciou-se com a flora e as variedades climáticas da região e iniciou estudos de botânica na Universidade de São Petersburgo (1864), que concluiu na cidade alemã de Heidelberg. Emigrou para Hamburgo (1874) para dirigir a divisão de telegrafia meteorológica, disciplina dedicada à detecção de temporais e à meteorologia marinha, do Observatório Naval Germânico (1875-1918). Tornou-se (1884) o primeiro pesquisador a mapear as regiões climáticas do mundo e suas variação ao longo dos meses do ano. Seu mapa climatológico, que abrangia desde o círculo polar até as latitudes tropicais, representou um progresso para a meteorologia da época com o mapeamento de todas regiões climáticas do mundo. Classificou os climas em cinco tipos distintos (1900), baseado nas chuvas e temperaturas, expondo um sistema matemático de classificação climática que durante décadas orientou as técnicas meteorológicas. Mudou-se para Graz, na Áustria (1924), cidade onde permaneceu até morrer e onde, em colaboração com Rudolf Geiger, redigiu seu Handbuch der Klimatologie (1927), publicado em cinco volumes.


Classificação climática de Köppen-Geiger



Distribuição atualizada dos tipos de clima segundo a classificação Köppen-Geiger.






A Classificação climática de Köppen-Geiger, mais conhecida por Classificação Climática de Köppen, é o sistema de classificação global dos tipos climáticos mais utilizada em geografia, climatologia e ecologia. A classificação foi proposta em 1900 pelo climatologista alemão Wladimir Köppen, tendo sido por ele aperfeiçoada em 1918, 1927 e 1936 com a publicação de novas versões, preparadas em colaboração com Rudolf Geiger (daí o nome Köppen-Geiger). A classificação é baseada no pressuposto, com origem na fitossociologia e na ecologia, de que a vegetação natural de cada grande região da Terra é essencialmente uma expressão do clima nela prevalecente. Assim, as fronteiras entre regiões climáticas foram selecionadas para corresponder, tanto quanto possível, às áreas de predominância de cada tipo de vegetação, razão pela qual a distribuição global dos tipos climáticos e a distribuição dos biomas apresenta elevada correlação. Na determinação dos tipos climáticos de Köppen-Geiger são considerados a sazonalidade e os valores médios anuais e mensais da temperatura do ar e da precipitação. Cada grande tipo climático é denotado por um código, constituído por letras maiúsculas e minúsculas, cuja combinação denota os tipos e subtipos considerados. Contudo, a classificação de Köppen-Geiger, em certos casos não distingue entre regiões com biomas muito distintos, pelo que têm surgido classificações dela derivadas, a mais conhecida das quais é a Classificação Climática de Trewartha.

Estrutura geral da classificação

A classificação climática de Köppen-Geiger divide os climas em 5 grandes grupos ("A", "B", "C", "D", "E") e diversos tipos e subtipos. Cada clima é representado por um conjunto variável de letras (com 2 ou 3 caracteres) com a seguinte significação:

  • Primeira letra: — uma maiúscula ("A", "B", "C", "D", "E") que denota a característica geral do clima de uma região, constituindo o indicador do grupo climático (em grandes linhas, os climas mundiais escalonam-se de "A" a "E", indo do equador aos pólos);
  • Segunda letra: — uma minúscula, que estabelece o tipo de clima dentro do grupo, e denota as particularidades do regime pluviométrico, isto é a quantidade e distribuição da precipitação (apenas utilizada caso a primeira letra seja "A", "C" ou "D"). Nos grupos cuja primeira letra seja "B" ou "E", a segunda letra é também uma maiúscula, denotando a quantidade da precipitação total anual (no caso "B") ou a temperatura média anual do ar (no caso "E");
  • Terceira letra: — minúscula, denotando a temperatura média mensal do ar dos meses mais quentes (nos casos em que a primeira letra seja "C" ou "D") ou a temperatura média anual do ar (no caso da primeira letra ser "B").

Um resumo global sinóptico das classificações é dado pelo seguinte quadro:

Classificação climática de Köppen-Geiger

Temperatura do ar
Precipitação


T
F
M
S
W
f
m
w
s
A
Tropical
Equatorial Af
Monções Am
Savana, chuva de Verão Aw
Savana, chuva de Inverno As
B
Árido
Estepário BS
Desértico BW
C
Temperado
Subtropical Cfa,
Oceânico Cfb
Pampeano Cwa, Cwb
Mediterrânico Csa, Csb
D
Continental
Continental Dfa, Dfb,
Subártico Dfc, Dfd
Manchuriano Dwa, Dwb
E
Glacial
Tundra ET
Polar EF
Alpino EM


A primeira letra (indicador de grupo)

O significado de cada uma das primeiras letras utilizadas é o seguinte:

Código
Tipo
Descrição
A
Clima tropical
  • Climas megatérmicos
  • Temperatura média do mês mais frio do ano > 18°C
  • Estação invernosa ausente
  • Forte precipitação anual (superior à evapotranspiração potencial anual)
B
Clima árido
  • Climas secos (precipitação anual inferior a 500mm)
  • Evapotranspiração potencial anual superior à precipitação anual
  • Não existem cursos de água permanentes
C
Clima temperado ou
Clima temperado quente
  • Climas mesotérmicos
  • Temperatura média do ar dos 3 meses mais frios compreendidas entre -3°C e 18°C
  • Temperatura média do mês mais quente > 10°C
  • Estações de Verão e Inverno bem definidas
D
Clima continental
ou Clima temperado frio
  • Climas microtérmicos
  • Temperatura média do ar no mês mais frios < -3°C
  • Temperatura média do ar no mês mais quente > 10°C
  • Estações de Verão e Inverno bem definidas
E
Clima glacial
  • Climas polares e de alta montanha
  • Temperatura média do ar no mês mais quente < 10°C
  • Estação do Verão pouco definida ou inexistente.



A segunda letra (indicador de tipo)

O significado de cada uma das segundas letras utilizadas é o seguinte:

Código
Descrição
Aplica-se
ao grupo
S
  • Clima das estepes
  • Precipitação anual total média compreendida entre 380 e 760mm
B
W
  • Clima desértico
  • Precipitação anual total média < 250mm
B
f
  • Clima úmido
  • Ocorrência de precipitação em todos os meses do ano
  • Inexistência de estação seca definida
A-C-D
w
  • Chuvas de Verão
A-C-D
s
  • Chuvas de Inverno
A-C-D
w'
  • Chuvas de Verão-outono
A-C-D
s'
  • Chuvas de Inverno-outono
A-C-D
m
  • Clima de monção:
  • Precipitação total anual média > 1500mm
  • Precipitação do mês mais seco < 60mm
A
T
  • Temperatura média do ar no mês mais quente compreendida entre 0 e 10°C
E
F
  • Temperatura média do mês mais quente < 0°C
E
M
  • Precipitação abundante
  • Inverno pouco rigoroso
E


A terceira letra (indicador de subtipo)

A terceira letra utiliza-se para distinguir climas com diferentes variações de temperatura do ar, definindo-se com ela subtipos para os climas dos grupos B, C e D:

Código
Descrição
Aplica-se
aos grupos
a: Verão quente
  • Temperatura média do ar no mês mais quente ≥ 22°C
C-D
b: Verão temperado
  • Temperatura média do ar no mês mais quente < 22°C
  • Temperaturas médias do ar nos 4 meses mais quentes > 10°C
C-D
c: Verão curto e fresco
  • Temperatura média do ar no mês mais quente < 22°C
  • Temperaturas médias do ar > 10°C durante menos de 4 meses
  • Temperatura média do ar no mês mais frio > -38°C
C-D
d: Inverno muito frio
  • Temperatura média do ar no mês mais frio < -38°C
D
h: seco e quente
  • Temperatura média anual do ar > 18°C
  • Deserto ou semi-deserto quente (temperatura anual média do ar igual ou superior a 18°C)
B
k: seco e frio
  • Temperatura media anual do ar < 18°C
  • Deserto ou semi-deserto frio (temperatura anual média do ar inferior a 18°C)
B


Tipos e subtipos climáticos


Da combinação da primeira e segunda letras dos código acima descritos obtém-se os seguintes tipos climáticos:
  • A: Clima tropical — climas megatérmicos das regiões tropicais e subtropicais
    • Af: clima tropical úmido ou clima equatorial
    • Am: clima de monção
    • Aw: clima tropical com estação seca de Inverno
    • As: clima tropical com estação seca de Verão
  • B: Clima árido — climas das regiões áridas e dos desertos das regiões subtropicais e de média latitude.
    • BS: clima das estepes
      • BSh: clima das estepes quentes de baixa latitude e altitude
      • BSk: clima das estepes frias de média latitude e grande altitude
    • BW: clima desértico
      • BWh: clima das regiões desérticas quentes de baixa latitude e altitude
      • BWk: clima das regiões desérticas frias das latitudes médias ou de grande altitude
  • C: Clima temperado — climas das regiões oceânicas e marítimas e das regiões costeiras ocidentais dos continentes
    • Cf: clima oceânico sem estação seca
      • Cfa: clima temperado úmido com Verão quente
      • Cfb: clima temperado úmido com Verão temperado
      • Cfc: clima temperado úmido com Verão curto e fresco
    • Cw: clima temperado úmido com Inverno seco
      • Cwa: clima temperado úmido com Inverno seco e Verão quente
      • Cwb: clima temperado úmido com Inverno seco e Verão temperado
      • Cwc: clima temperado úmido com Inverno seco e Verão curto e fresco
    • Cs: clima temperado úmido com Verão seco (clima mediterrânico)
      • Csa: clima temperado úmido com Verão seco e quente
      • Csb: clima temperado úmido com Verão seco e temperado
      • Csc: clima temperado úmido com Verão seco, curto e fresco
  • D: Clima continental ou climas temperados frios — clima das grandes regiões continentais de média e alta latitude
    • Df: clima temperado frio sem estação seca
      • Dfa: clima temperado frio sem estação seca e com Verão quente
      • Dfb: clima temperado frio sem estação seca e com Verão temperado
      • Dfc: clima temperado frio sem estação seca e com Verão curto e fresco
      • Dfd: clima temperado frio sem estação seca e com Inverno muito frio
    • Dw: clima temperado frio com Inverno seco
      • Dwa: clima temperado frio com Inverno seco e com Verão quente
      • Dwb: clima temperado frio com Inverno seco e com Verão temperado
      • Dwc: clima temperado frio com Inverno seco e com Verão curto e fresco
      • Dwd: clima temperado frio com Inverno seco e muito frio
  • E: Clima glacial — clima das regiões circumpolares e das altas montanhas
    • ET: clima de tundra
    • EF: clima das calotas polares
    • EM: clima das altas montanhas


Exemplos e Classificações


  • Af - clima equatorial úmido - Manaus, Brasil
  • Am - clima tropical monçônico - Daca, Bangladesh
  • Aw - clima tropical (chuvas no verão) - Rio de Janeiro Brasil
  • As - clima tropical (chuvas no Inverno) - João Pessoa, Brasil
  • BSh - clima semi-árido quente - Múrcia, Espanha
  • BSk - clima semi-árido frio - Medicine Hat, Canadá
  • BWh - clima árido quente - Phoenix, Estados Unidos
  • BWk - clima árido frio - norte do Chile, deserto do Atacama e região central da Patagônia
  • Csa - clima temperado mediterrâneo, verões quentes (chuvas no Inverno) - Lisboa, Portugal
  • Csb - clima temperado mediterrâneo, verões brandos (chuvas no Inverno) - San Francisco, Estados Unidos
  • Cwa - clima subtropical úmido - São Paulo, Brasil
  • Cwa - clima subtropical/clima tropical de altitude - Brasília, Brasil
  • Cfa - clima subtropical úmido - Florianópolis, Brasil
  • Cfb - clima temperado marítimo úmido - Curitiba, Brasil
  • Cwb - clima temperado marítimo/clima tropical de altitude - Joanesburgo, África do Sul
  • Cfc - clima subártico marítimo úmido - Punta Arenas, Ushuaia, Sul do Chile
  • Cwc - clima subártico marítimo (chuvas no verão) - Monte Dinero, Argentina
  • Csc - clima subártico marítimo (chuvas no inverno) - Tórshavn, Ilhas Faroé
  • Dfa - clima continental úmido, verões quentes - Chicago, Estados Unidos
  • Dwa - clima continental, verões quentes (chuvas no verão) - Seul, Coreia do Sul
  • Dsa - clima continental, verões quentes (chuvas no Inverno) - Cambridge, Estados Unidos
  • Dfb - clima continental úmido, verões brandos - Estocolmo, Suécia
  • Dwb - clima continental, verões brandos (chuvas no verão) - Rudnaya Pristan, Rússia
  • Dsb - clima continental, verões brandos (chuvas no Inverno) - Spokane, Estados Unidos
  • Dfc - clima subártico úmido - Sept-Îles, YellowKnife, Canadá
  • Dwc - clima subártico (chuvas no verão) - Irkutsk, Rússia
  • Dsc - clima subártico (chuvas no inverno) - Galena Summit, Estados Unidos
  • ET - clima polar de tundra - Iqaluit, Canadá
  • EF - clima polar de calote de gelo - Vostok, Antártica



Referências



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.