sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Seleções Reader's Digest - sua origem

Reader's Digest logo
A famosa revista nasceu em 1921. Seu criador foi o norte-americano DeWitt Roy Wallace, diplomado pela Universidade da Califórnia. É a maior organização do gênero. Diz-se que Wallace, ao se desligar de uma editora, começou a vida com 1.000 dólares, montando a publicação que dirige com o auxílio de sua esposa Lila Acheson. O primeiro número de "Seleções" saiu exatamente em Janeiro de 1922, com a triagem de 5.000 exemplares, para distribuição a poucos milhares de assinantes. A sede da conhecida revista está situada em Pleasantville, distrito rural que dista aproximadamente 40km de Nova York, mas Seleções, por motivo de ordem
DeWitt Roy Wallace
econômica, é impressa em Chicago. A famosa revista possui o maior corpo redatorial de que se tem notícia. Mais de 60 redatores especializados trabalham ativamente na preparação de um só número de "Seleções". Em quase todas as línguas rodam-se perto 16.000.000 de exemplares. É curioso dizer que o papel empregado para a impressão de um só número da revista daria para cobrir uma extensão de 130 quilômetros de comprimento. Empregam-se mais de 5.000 metros de arame para coser um só número, e a preparação do material requer 8.235 horas de leitura (1.029 dias úteis de 8 horas). A máquina em que se imprime "Seleções" é de tamanho descomunal. Tem capacidade para imprimir mais de 28.000 exemplares por hora. Data de 1942 a edição em língua portuguesa. No Brasil, segundo fontes autorizadas, vendem-se aproximadamente 200.000 exemplares. Diz-se que a célebre revista é lida em mais de 100 nações do mundo.

(Obs.: dados do ano de 1964).

Seleções (br) ou Selecções (pt) é o nome que recebem as versões brasileira e portuguesa da Reader's Digest, revista mensal criada em 1922 por Lila Bell Wallace e DeWitt Wallace em Chappaqua, Nova York, Estados Unidos. A revista possui um formato menor (13,4 cm x 18,4 cm) que uma revista tradicional como a Revista Veja (20,2 x 26,6) e maior que um livro de bolso (11 cm x 18 cm), no Brasil, este formato é chamado de formatinho.

Dados Gerais

Publicada em 35 línguas e distribuída em 120 países, a revista é vendida predominantemente por assinatura. Circula desde 1922 nos EUA; no Brasil circula desde Fevereiro de 1942, trazida por Robert Lund, fundaor do Grupo Lund Editoras Associadas. O preço do primeiro número foi de 5 cruzeiros. Em Portugal circula desde 1971 (até essa data era vendida nas bancas a edição impressa no Brasil).

Referências


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.